Pular para o conteúdo

Como usar a gamificação como uma estratégia de ensino?

A gamificação pode ser uma das estratégias mais eficazes de ensino, na medida em que pode tornar o aprendizado mais divertido e enriquecedor.

Motivar o aluno a se tornar protagonista em busca do conhecimento é música para os profissionais de educação e matéria prima para montarmos uma estratégia de gamificação!

Veja algumas maneiras bem comuns de como você pode usar a gamificação como estratégia de ensino:

  • Crie um jogo: Os jogos são uma ótima maneira de motivar os estudantes e tornar o aprendizado mais divertido. Você pode criar um jogo de aprendizado que desafie os estudantes a resolver problemas ou a aprender novas habilidades. Um jeito simples de começar esse movimento é com escape rooms!
  • Ofereça recompensas: As recompensas podem ser uma ótima maneira de motivar os estudantes a se esforçarem mais. Você pode criar um sistema de pontos que reconheçam os estudantes por atingir metas ou por apresentar um bom desempenho. Mas cuidado para não recompensar ações que já são feitas habitualmente, isto pode gerar o efeito de superjustficativa!
  • Use a gamificação para aumentar a imersão: Crie experiências de aprendizado mais imersivas e enriquecedoras. Você pode usar tecnologias de realidade aumentada ou realidade virtual para criar ambientes de aprendizado mais imersivos, mas não se prenda à tecnologia. Uma narrativa bem montada, com uma história envolvente pode causar uma imersão muito maior. Abuse das histórias e temas que os alunos já conhecem: Harry Potter, Senhor dos Anéis, Matrix, Vingadores, Liga da Justiça
  • Faça o aprendizado mais colaborativo: A gamificação também pode ser usada para tornar o aprendizado mais colaborativo. Além das dinâmicas em grupo, como os escape rooms que já falamos, você pode pensar em um grande objetivo para os alunos. Por exemplo, se todos chegarem à um determinado nível ou completarem uma tarefa em um tempo determinado, poderão sair 30 minutos antes de acabar a aula! 🙂
  • Deixe o aprendizado mais personalizado: A gamificação também pode ser usada para tornar o aprendizado mais personalizado. Você pode criar missões especiais que serão disponibilizadas de acordo com o desempenho do estudante, independentemente da evolução do grupo. Por exemplo, um aluno com dificuldades em matemática terá mais missões deste tema do que o restante da turma.
Veja também:   Gamificação na educação: ensinando história com games

Resumindo, a gamificação é uma estratégia de ensino que pode deixar o aprendizado bem mais envolvente e enriquecedor. Existem várias plataformas que podem te ajudar neste processo, mas o mais importante é saber observar os seus alunos e perceber o que funciona para a sua turma!

CURSO ONLINE
Assista esta aula gratuita e domine a gamificação! Assista agora!