Pular para o conteúdo

O que é gamificação e como ela funciona nas empresas.

Gamificação é o uso de estratégias de engajamento que utilizam elementos que tornam os jogos divertidos e interessantes, para despertar nossa motivação no mundo real, em situações do dia a dia. Seja no ambiente de trabalho, na escola ou no dia a dia, o objetivo da gamificação é potencializar o engajamento das pessoas em resolver problemas, desenvolver habilidades e mudar comportamentos. Mas vamos entender melhor o que é gamificação nas empresas neste artigo?

Antes de explorarmos mais os benefícios de uma estratégia de gamificação, é importante você entender que jogar sempre fez parte da nossa vida. Até antes dela.

Na verdade, segundo Huizinga, jogar foi um mecanismo encontrado pelos mamíferos para se prepararem para obstáculos reais e sobreviverem. É fácil perceber isso quando vemos filhotes de lobos brincando de caçar, ou leões brigando de “mentirinha”.

Esse comportamento já está embutido em nosso cérebro, é instintivo, é químico, já faz parte da nossa natureza. E exatamente por isso é tão poderoso.

Mas para aproveitar este instinto e entender o que é gamificação nas empresas, é preciso trazer tudo isso para o racional.

A gamificação tem muito mais a ver com engajamento e com as pessoas envolvidas do que com o próprio jogo. Utilizamos apenas alguns elementos de game design considerando a motivação de cada uma das pessoas, estudando e entendendo seus hábitos.

As pessoas se motivam de formas diferentes

A gamificação tem se tornado uma estratégia cada vez mais popular para empresas que desejam engajar seus funcionários e clientes. Através da aplicação de elementos e mecânicas de jogos em contextos não relacionados a jogos, é possível criar experiências mais envolventes e motivadoras.

Quando nos voltamos para a motivação no ambiente de trabalho, é comum encontrarmos respostas como “manter a família” ou “preciso pagar contas”. No entanto, apesar dessas motivações relacionadas ao dinheiro serem comuns, as pessoas se comportam e agem de maneiras diferentes. Quando indagadas sobre suas motivações na vida de forma mais ampla, as respostas variam consideravelmente.

Existem estudos que exploram os hábitos e objetivos pessoais, classificando-os em perfis de comportamento. Na área de game design, um dos modelos mais conhecidos é o desenvolvido por Richard Bartle, que divide os jogadores em quatro grandes grupos. No entanto, é essencial compreender que tanto indivíduos quanto equipes possuem características únicas.

Ao entender os objetivos individuais e o que motiva cada pessoa a persegui-los, é possível criar um plano que alinhe as metas pessoais com os objetivos da empresa. Esse alinhamento é fundamental para o sucesso da gamificação. Ao incorporar elementos de jogos nos processos internos da empresa, é possível estimular a colaboração, o engajamento e o desenvolvimento individual dos colaboradores.

Dessa forma, a gamificação torna-se uma ferramenta estratégica para impulsionar a produtividade, fortalecer o espírito de equipe e alcançar resultados positivos. Ao promover a participação ativa dos colaboradores, a empresa pode criar um ambiente de trabalho mais dinâmico e motivador, contribuindo para o crescimento e sucesso de todos os envolvidos.

Para empresas interessadas em implementar a gamificação, é importante buscar o apoio de profissionais especializados na área, que possam auxiliar na identificação das melhores estratégias e na escolha das mecânicas de jogo adequadas. Além disso, é essencial acompanhar e avaliar constantemente os resultados obtidos, a fim de ajustar e aprimorar a abordagem conforme necessário.

Portanto, ao reconhecer as diferentes motivações das pessoas e utilizar a gamificação de forma estratégica, as empresas podem conquistar uma maior relevância no mercado, impulsionar o engajamento de seus colaboradores e alcançar um desempenho excepcional. A gamificação se mostra como uma abordagem inovadora e eficaz, capaz de transformar a cultura organizacional e impulsionar o sucesso empresarial.

A participação precisa ser voluntária

Quando se trata de introduzir uma nova iniciativa em uma empresa, seja por meio de uma estratégia de gamificação ou não, é comum que os colaboradores encarem essa experiência de forma negativa. Sentimentos como “estão me controlando” ou “mais uma coisa para eu fazer” podem surgir, pois a sensação de obrigatoriedade prevalece.

Entretanto, se considerarmos que o trabalho em si já possui um caráter obrigatório, como podemos lidar com essa situação?

Uma abordagem eficaz é adotar um processo gradual. Começamos identificando uma única métrica importante dentro das operações e oferecemos uma alternativa mais divertida, levando em conta o público-alvo e suas motivações. Em seguida, acompanhamos os indicadores de desempenho e adesão, fazendo ajustes à medida que avançamos. Dessa forma, não apenas a empresa se beneficia, mas também as pessoas envolvidas.

Em alguns casos, é possível implementar mudanças apenas na interface, sem interferir na rotina diária das operações. Por exemplo, podemos apresentar os resultados de um trabalho em equipe de vendas de maneira diferente, utilizando um sistema interno já existente. Assim, introduzimos elementos da gamificação sem impor o peso da “obrigação”. Essa abordagem prepara os colaboradores para uma participação voluntária na próxima fase.

Ao adotar estratégias de gamificação, as empresas têm a oportunidade de tornar as iniciativas mais envolventes e motivadoras para seus colaboradores. Ao considerar as preferências e motivações individuais, bem como permitir uma participação voluntária, é possível transformar a experiência de trabalho em algo prazeroso e estimulante. A gamificação não apenas contribui para melhorar o desempenho e o engajamento, mas também fortalece o senso de comunidade e cooperação dentro da empresa.

Portanto, ao implementar a gamificação nas empresas, é fundamental criar um ambiente no qual os colaboradores se sintam motivados a participar ativamente, sem que isso seja visto como uma obrigação imposta pela empresa. Ao equilibrar o aspecto lúdico com os objetivos organizacionais, é possível obter resultados positivos e colher os benefícios que a gamificação pode proporcionar.

Silhueta de uma pessoa com vários elementos de game em volta para ilustrar o que é gamificação nas empresas.

O que é gamificação nas empresas?

A gamificação é uma abordagem que pode trazer uma mudança significativa nas empresas, seja em recursos humanos, vendas ou treinamentos corporativos. Ao adotar essa estratégia, é possível transformar as atividades cotidianas em algo mais divertido e interessante do que eram antes.

Imagine o seguinte cenário: você está no escritório e, em vez de simplesmente entregar um relatório para o gerente, você recebe uma missão do comando secreto. Essa mudança na comunicação entre os colaboradores cria um clima corporativo diferente, onde o trabalho se torna mais envolvente e cativante.

Veja também:   A teoria do flow e como alcançar este estado da mente

É importante ressaltar que a gamificação não transforma o ambiente de trabalho em um mundo de unicórnios e arco-íris. No entanto, ela consegue aliviar um pouco da pressão da rotina e trazer uma atmosfera mais descontraída para as tarefas diárias.

Além disso, a gamificação também tem impacto no feedback dado aos funcionários, especialmente em avaliações de desempenho. Em vez de ter uma avaliação anual, a gamificação permite que o feedback seja dado de forma mais frequente, seja semanal ou até mesmo diariamente. Isso significa que o colaborador receberá informações sobre seus acertos e erros de forma mais rápida, possibilitando uma curva de aprendizado mais acelerada.

Outro aspecto importante que muda com a gamificação é a forma como enxergamos o erro dentro da cultura organizacional. Normalmente, o erro é evitado e punido, mas com a gamificação, ele passa a ser encarado como um aliado. O erro se torna um elemento de aprendizado planejado e, o que é mais interessante, é compartilhado entre os participantes. Isso promove a multiplicação da informação e estimula a colaboração entre os membros da equipe.

Em resumo, a gamificação nas empresas traz uma nova perspectiva para as atividades do dia a dia, tornando-as mais divertidas e envolventes. Ela promove uma comunicação diferenciada entre os colaboradores, acelera a curva de aprendizado e transforma o erro em uma oportunidade de crescimento e compartilhamento de conhecimento. Portanto, não subestime o poder da gamificação na transformação da cultura organizacional e no engajamento dos funcionários.

A gamificação nas empresas funciona?

Implementar uma estratégia de gamificação nas empresas pode trazer resultados surpreendentes. Apesar de ainda termos poucos estudos aprofundados sobre o impacto dessa abordagem nos hábitos e na performance dos colaboradores, já existem indicadores promissores que apontam na direção certa.

Um exemplo inspirador é a Air Canada, que decidiu mudar seu programa de fidelização para uma abordagem mais gamificada. Os resultados foram impressionantes: em apenas 3 meses, eles alcançaram um retorno sobre investimento (ROI) incrível de mais de 560%. Isso mostra como a gamificação pode ser aplicada como uma estratégia eficiente para engajar e motivar os clientes.

Outra empresa que obteve sucesso com a gamificação foi a Sunlife. Eles criaram uma plataforma de aprendizado em que os participantes podem evoluir seus conhecimentos sobre planos de previdência. Com essa abordagem, a empresa conseguiu aumentar em 29% sua base de usuários. Mais uma evidência de como a gamificação pode ser uma ferramenta poderosa para promover o engajamento e atrair mais pessoas para utilizar os serviços da empresa.

Um exemplo ainda mais próximo de mim foi o caso da Solvian. Nesse projeto, tivemos a oportunidade de transformar um produto utilizando a gamificação e criamos o Trade Rally. Os resultados foram impressionantes: conseguimos aumentar em mais de 40% a aderência do produto. Além disso, observamos um efeito colateral positivo, com um aumento de 22% nas vendas!

Portanto, fica claro que a gamificação é uma estratégia promissora para empresas que desejam alcançar melhores resultados e engajar sua equipe e clientes. Embora ainda haja muito a ser estudado nesse campo, os exemplos de sucesso mostram que estamos no caminho certo. Se você deseja impulsionar o desempenho da sua empresa, considere seriamente a implementação de estratégias de gamificação. Os benefícios podem ser surpreendentes!

YouTube player
Veja como você pode fazer uma gamificação na empresa.

Concluindo o que é gamificação

A gamificação é uma estratégia eficaz porque aproveita nosso instinto natural para jogar e competir. No entanto, muitas empresas acabam falhando ao implementar iniciativas de gamificação porque não colocam as pessoas como sua principal preocupação.

Elas simplesmente olham para o negócio e acreditam que, para aumentar a receita, precisam criar uma competição. No entanto, é importante lembrar que nem todas as pessoas gostam de competir. Para ser mais claro, apenas de 10% a 25% da população realmente aprecia a competição.

Certamente, é possível criar uma competição saudável, mas o ponto crucial é tornar a experiência de gamificação única para cada indivíduo, levando em consideração suas motivações, hábitos e objetivos.

Quando alinhamos as expectativas pessoais de cada pessoa com os objetivos estratégicos do negócio como um todo, a possibilidade de aumentar o engajamento por meio da gamificação se torna muito maior.

E se você deseja se aprofundar mais no assunto e descobrir como aplicar estratégias de gamificação em sua empresa por conta própria, recomendo que conheça o GameMasters. É uma oportunidade para você entender melhor como desenvolver estratégias de gamificação de forma eficiente e adequada às necessidades da sua empresa!

Perguntas Frequentes

  1. O que é gamificação nas empresas?

    A gamificação é o uso de elementos de jogos, como competição, desafios e recompensas, em contextos não relacionados a jogos, como ambiente de trabalho, escola ou atividades cotidianas, com o objetivo de aumentar o engajamento das pessoas em resolver problemas, desenvolver habilidades e mudar comportamentos.

  2. A gamificação nas empresas funciona?

    Sim, a gamificação tem se mostrado eficaz em empresas de diversos setores, proporcionando resultados positivos como aumento da produtividade, engajamento dos colaboradores e melhorias nos processos internos.Exemplos de empresas que obtiveram sucesso com a gamificação incluem a Air Canada e a Sunlife, que conseguiram aumentar significativamente seu retorno sobre investimento e a base de usuários, respectivamente, após implementarem estratégias gamificadas.

  3. Como implementar a gamificação de forma eficaz na empresa?

    Para implementar a gamificação de forma eficaz na empresa, é importante considerar as motivações individuais dos colaboradores e alinhá-las com os objetivos da organização.É essencial criar um ambiente no qual os colaboradores se sintam motivados a participar voluntariamente, sem que isso seja visto como uma obrigação imposta pela empresa.Além disso, é recomendável buscar o apoio de profissionais especializados na área, que possam auxiliar na identificação das melhores estratégias e na escolha das mecânicas de jogo adequadas.

CURSO ONLINE
Assista esta aula gratuita e domine a gamificação! Assista agora!